Tensão pré casamento

Postado em 6 abr, 2014 - Dicas Noivas
Fonte: Google Imagens

Fonte: Google Imagens

Já falamos anteriormente sobre a qualidade de vida e o estresse pré-casamento. Mas, você sabe que este estresse que antecede o grande dia é denominada de tensão pré-nupcia?

Pois bem, o estresse que atinge os noivos antes do casamento virou objeto de estudo e foi denominado de  TPN – tensão pré-nupcial. Mas a TPN não é descrito apenas recentemente, Willi em 1975 descreveu a fase anterior ao casamento como sendo caracterizada por muitas dúvidas e temores. Entre estes, medo:

  • de separar-se de sua casa;
  • de entregar-se ao companheiro
  • de se envolver;
  • das obrigações e responsabilidades;
  • de falhar na tarefa comum;
  • do aspecto sexual.

Com tudo isto, o momento anterior ao casamento pode ser bastante aflitivo para muitos casais e em especial para muitas noivas.

A decisão pelo casamento implica, portanto, uma transformação radical que envolve valores individuais, da noiva e noivo, e coletivos que envolvem suas famílias e amigos, que exigem diversos preparativos para que seja um dia marcante.

Sendo assim, a expectativa pelo casamento gera uma dupla ansiedade, pela mudança que a união implicará, pelos preparativos da festa e pela organização da nova casa, já que o casamento significa uma mudança de vida importante. É uma ruptura da antiga vida de solteiro com a nova jornada da vida de casado, e como toda ruptura familiar gera ansiedade e estimular os conflitos.

 Junte  a isto os preparativos para esse grande momento geram muito stress e ansiedade, e essa preparação trará novos compromissos, responsabilidades e preocupações, como:

  • medo que algo não dê certo;
  • medo de adquirir ou perder peso;
  • desejo de surpreender os convidados;
  • ter uma festa magnífica;
  • ser uma noiva linda e bem disposta;
  • fazer uma lista de convidados justa, sem ofender ninguém;
  • não ultrapassar o orçamento previsível e poupar o máximo;
  • manter os convidados animados e envolvidos na festa de casamento.

Além claro da a ansiedade pela organização da nova casa, envolvendo todos os preparativos, escolhas, alinhamentos, de uma maneira estruturada e consciente. Desta forma, embora considerada uma fase muito feliz, tornar-se um casal representa uma das tarefas mais complexas e trabalhosas do ciclo de vida familiar porque exige muito dos seus membros para que funcione e dê certo.

O resultado pode ser ma grande confusão para os noivos, que se não conseguirem controlar a ansiedade podem transformar o sonho em pesadelo! E, controlar a ansiedade é fundamental para que o casal não tenha um colapso durante o preparo do casamento e o início da vida a dois.

Neste momento, é possível contratar um profissional para dar suporte psicológico,  nesta fase de transição, auxiliando a enfrentar o processo do casamento e a lidar com os diferentes papeis que passará a exercer.

Referências:

Waldemar, O. (2008). Terapia de casal. In: A. V. Cordioli (Ed.), Psicoterapias (cap. 14). Porto Alegre: Artmed.

Willi, J. (1975). La pareja humana: relación y conflicto. Madrid: Ediciones Morata.