Por que você deve ter um casamento Unplugged – por Corey Ann Photography

Postado em 5 ago, 2013 - Dicas Noivas

O texto a seguir é uma livre tradução do post Why You Should Have an Unplugged Wedding de Corey Ann Photography

“Anteriormente, já publiquei sobre como ser um convidado simpático para as fotos, bem como e também sobre os convidados fotógrafos, mas eu senti que este tema precisava ser discutido um pouco mais … e, claro, que tenho algumas imagens para mostrar, no intuito de apoiar porque é melhor quando os convidados deixam suas câmeras desligadas por alguns instantes.

No ano passado, um casal de amigos se casou e eu estava muito feliz por ser sua fotógrafa naquele dia. Mas, o que foi mais surpreendente foi que o casal pedia aos convidados um  “Unplugged Wedding”, depois de ver fotos e ler meus posts ao longo dos anos sobre os convidados bem-intencionados têm inadvertidamente estragam as fotos do casamento.

Antes da cerimônia, encontrava-se a seguinte mensagem:

“Bem-vindos, amigos e família! Boa noite a todos. Por favor, sentem-se. Dan e Jennifer convidaram vocês para estarem verdadeiramente presentes neste momento especial. Por favor, desligue seu celular e as suas câmeras. O fotógrafo irá capturar toda a emoção deste momento com suas lentes – por isso, encorajo todos vocês à capturar as emoções com seus corações, sem a distração de tecnologia. Se Dan pode fazer isso, então você também pode. “

Não posso dizer quantos saltos felizes de alegria dei em meu coração ao ler esta mensagem! Todos os convidados obedeceram e, mesmo após a cerimônia muitos decidiram manter as câmeras desligadas e seus corações abertos aproveitando o dia em vez de ser um observador por de trás de suas câmeras.

Recentemente “Guest Photographers” perguntou para um dos grupos de fotografia que faço parte, se não queríamos mais pessoas capturando as imagens para os nossos clientes por isso ser um grande negócio? Pensei que esta era uma grande questão! Não tenho nenhum problema com convidados que fazem fotos e compartilham mais tarde com o casal. Na verdade isso me faz feliz, pois sei que haverá outras fotos do momento, ou fotos das fotos, ou ângulos que eu não poderia cobrir. Também entendo completamente que alguns convidados têm um grande amor para captura de imagens e desfrutar tirando fotos em casamentos – afinal eles são convidados.

No entanto, o meu coração literalmente quebra quando um convidado arruína uma foto ao ficar na frente da câmera ou de outra forma encantadora, quando eu estou capturando um momento-chave do casamento. Isto me mata quando acontece porque, sou bastante confiante de que a minha imagem teria sido melhor do que a capturada por eles.

Nos últimos 6 anos em que sou fotógrafa profissional de casamento, tem sido triste assistir a substituição da entrada da noiva pela nave seguida por uma progressão  rostos sorrindo, encorajadores e feliz pela sequencia de rostos escondidos atrás de câmeras e telefones celulares que se alinham no corredor. Estas são todas os razões pelas quais fico exultante quando eu ouço casais optando por um Wedding Unplugged – ou pelo o muito menos uma Ceremony Unplugged.

Quero também acrescentar o seguinte: se você é um convidado no casamento, por favor, certifique-se de postar as fotos dos noivos apenas depois da cerimônia. Eu não posso dizer quantos “first looks” inadvertidamente acontecem on-line antes do casamento, porque uma dama de honra ou padrinho enviou fotos para uma rede social quando uma noiva e/ou noivo que estavam matando o tempo navegando pela rede social viram a foto  antes da cerimônia. Não faça isso!! Certifique-se também que o casal aceita bem o compartilhamento de imagens nas mídias sociais, às vezes as pessoas preferem manter a privacidade  devido a fatores diversos, e você, como convidado não quer causar estresse.

unplugged-wedding1

Para diversas situações, há soluções. Porém, para o flash do convidado não tem remédio. Dificilmente, alguma coisa salvará uma imagem com flash alheio e não tem ângulo que mude isso.

unplugged-wedding2

Estas são apenas duas das centenas de imagens do cortejo de casamento que tenho, que foram arruinadas por um flash de câmeras dos convidados.

unplugged-wedding3

O pai desta menina literalmente me empurrou para o lado, e me deu tristeza, porque eu estava bloqueando sua filha de pé no corredor para obter uma imagem. Esta igreja só tinha um corredor e pouco espaço para se mover e cheio de convidados. Eu tirei essa imagem para me proteger mais tarde no caso dos clientes ficaram chateados que eu tinha que ficar um pouco fora do centro em parte da cerimônia. Além disso o Nintendo DS  fez ruídos muito altos quando se tira fotos. Era uma loucura.

Desde que esta imagem foi tirada há 4 anos o DS de tem sido substituído com o iPad, que é um milhão de vezes pior quando se trata de zonas degradadas.

unplugged-wedding4

O pai deste garoto gritou  durante um casamento e empurrou seu filho na frente para se certificar de que ele tivesse uma imagem com o seu iPhone durante um “destination wedding” em Cozumel. Observe que ele não era um convidado do casamento, mas apenas um hóspede do resort.

unplugged-wedding5

Toda esta situação literalmente quebrou meu coração. Em muitas igrejas, os fotógrafos são fortemente restringidos quanto ao local onde eles podem ir para fazer as imagens e Capela Heinz é talvez um dos mais rigorosos que eu já tenha trabalhado. Nós só somos autorizados a ficar do lado de fora do santuário na abertura da porta, onde o corredor central e é na varanda. Não estamos autorizados a andar no espaço durante o serviço. Meu segundo fotógrafo felizmente estava na varanda, mas sua presença não fez estes convidados irem embora, mas felizmente ele foi capaz de obter imagens nas quais é possível ver a noiva  e o noivo. Argumentei, implorei e supliquei para que pelo menos fosse permitido permanecer no corredor lateral para que eu pudesse ter uma chance clara de obter imagens dos noivos, quando este convidado saltou para o corredor principal, o que para o fotógrafo profissional não era permitido.

unplugged-wedding6

Outra imagem de um convidado que se posicionou na minha frente durante uma cerimônia em que eu não podia me mover para a contornar-lo na fotografia.

unplugged-wedding7

Os flashes não param durante a cerimônia, refletindo  no vestido branco e não havendo muito o que fazer para salvar estas imagens.

unplugged-wedding8

 

Isso quase me fez chorar. Não estou brincando.

Estava de olho neste senhor já que ele estava de pé no altar com a noiva e o noivo durante a cerimônia, mas eu era capaz de tirar as fotos do casal com um zoom. Contudo, logo após o pronunciamento do casal e ele rapidamente mudou de posição e ficou bem na minha frente durante o primeiro beijo. Eu pulei rapidamente para o lado, mas eu perdi o rápido beijo.

Eu também me senti duplamente terrível, porque eu tive que saltar na frente dos convidados durante uma cerimônia e meu objetivo é nunca bloquear a vista convidados.

unplugged-wedding9

Embora esta imagem não foi completamente perdida, as sombras do flash de um convidado são incomodas.

unplugged-wedding10

De volta para a Capela Heinz e como se pode ver, o convidado ficou lá durante toda a cerimônia, mas na saída… Ainda fico triste quando eu olho para esta imagem.

unplugged-wedding11

Não importa que tipo de câmera – grande ou pequena – o flash é quase sempre muito brilhante e atrapalha uma vez que é acionado.

unplugged-wedding12

Ficar de pé no corredor sempre me deixa triste, porque sua atenção imediatamente vai para a pessoa e não sobre o objeto principal da imagem.

unplugged-wedding13

Me incomoda muito quando convidados tentam tirar fotos durante as fotos formais, pois os flashes arruínam pelo menos um ou dois shots  para cada lote que eu tomo. Os olhos também tendem a dispersar e raramente eu consigo todo mundo olhando para mim, ao mesmo tempo em que existem várias câmeras presentes. Este é o único momento em que eu, às vezes, falo aos convidados que eles têm de parar de tirar fotos e várias vezes me disseram não, quando eu pedi isso. No entanto, a minha prioridade no dia do casamento está em meus clientes. Eu não me importo sobre a venda de retratos, mas eu me preocupo com a qualidade dos retratos e se houver um circo acontecendo atrás de mim, isso raramente termina bem para todos os envolvidos.

unplugged-wedding14

A recepção geralmente é um momento em que eu posso me mover rapidamente se um convidado decide tirar fotos, mas quando eu não posso mover em torno dele? Como na primeira dança?

unplugged-wedding15

Outro convidado decide que  a primeira dança é um grande momento para tirar sua foto dos noivos.

unplugged-wedding16

Este é mais uma situação que me entristece, esta convidada se colocou na frente no último abraço entre pai e filha durante a dança e não havia onde eu poderia ir para tirá-la da imagem. Felizmente eu tenho inúmeras belas imagens da dança, mas o último abraço é sempre o meu favorito.

unplugged-wedding17

Outra implicância de câmeras dos convidados durante o casamento? Os pontos vermelhos ou verdes da destruição! Esses feixes de foco são bastante irritante porque mais uma vez, não há muito que eu possa fazer para se livrar deles, fora transformar a imagem em preto e branco (que ainda vai deixar um círculo de luz). Há algumas imagens que eu tive que descartar devido a estes feixes. Este é apenas uma de muitas.

Resumindo: a minha prioridade no dia do casamento está nos noivos. O casal é meu cliente, e pagaram com o seu suado dinheiro para se certificar de que eu vou documentar seu casamento, e quando um convidado com excesso de zelo fica no caminho, isso me deixa triste. Eu acho que muitas vezes as pessoas não percebem o que estão fazendo e ao escrever este post espero conseguir alertar alguns convidados e fazê-los pensar no profissional antes de saltar no corredor para tirar uma foto, e  talvez incentivar alguns casais a optarem por um unplugged wedding.”